Cidades Charter

Paul Romer, Porque é que o mundo precisa de cidades charter? TEDGlobal 2009


A gravidade e o custo dos problemas atuais pode inibir a ação individual, pelo que há que, segundo Paul Romer, dar oportunidade às pessoas de criarem espaços de regras flexíveis que visem, num ambiente empreendedor e competitivo (busca de novos condóminos), a transformação: são as cidades modelo.

Prémio Nobel da Economia 2018*, por integrar inovação tecnológica na análise macroeconómica de longa duração, Paul Romer divide esta distinção com um outro economista americano especialista em macroeconomia ligada ao ambiente, William Nordhaus, autor de um modelo, dinâmico e integrado, que permite calcular os custos, económicos e climáticos, da execução (ou não) de políticas ambientais e defensor de um imposto sobre a produção de carbono.

A entrega do Prémio, por parte da Real Academia Sueca das Ciências, coincide com a publicação do mais importante relatório de ciência climática da década (elaborado por 91 especialistas de 40 países que integram o Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas da ONU), Aquecimento Global de 1.5 ° C.

*Dedicado a Alfred Nobel, o Prémio do Banco da Suécia para as Ciências Económicas é a distinção mais prestigiante que um economista pode obter; instituído há meio século, é financiado pelo Banco Central da Suécia.


Ler mais:

  • Instituto Marron - site oficial do projeto sobre cidades charter [Web]

  • Avaliação Nacional do Clima da US Global Change Research Program - Impactos de mudanças climáticas nos Estados Unidos, agora e no futuro [Web]

  • Sistema Terrestre: Casa Comum da Humanidade [Web]

  • ZERO – Associação Sistema Terrestre Sustentável [Web]

RBE_rect.png
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook