Crise climática

Não podemos ser neutros nem pouco rigorosos



A Future World (lançado a 14/05/2019) é um documentário da revista britânica Dazed, protagonizado por Greta Thunberg (ativista sueca de 16 anos nomeada para o Nobel da Paz) e outros jovens ativistas. Nele Rebecca Solnit defende que se altere a forma como a história é contada e se passe a falar em emergência, crise ou catástrofe em vez de alterações climáticas.

Neste contexto o jornal The Guardian e a BBC News (The Guardian, 17/05/2019, Why the Guardian is changing the language it uses about environment) anunciaram mudanças na sua linha editorial, ao afirmarem que vão deixar de discutir o ponto de vista dos negacionistas do clima porque isso significa enganar os leitores e apelaram aos outros media para seguirem o seu exemplo.

Não podemos ser neutros nem pouco rigorosos no espaço público: desta decisão particular podem resultar consequências globais graves.

Ler mais:

Outro documentário sobre a emergência climática e as formas como ainda é possível reverter a extinção da vida na Terra: Leonardo DiCaprio, Ice on Fire, trailer (HBO Portugal, 12 junho 2019).

DiCaprio criou a sua própria fundação de defesa do meio ambiente (Leonardo DiCaprio Foundation, 1998), foi nomeado Mensageiro da Paz para as alterações climáticas (ONU, 2014), discursou na cerimónia do Acordo de Paris (ONU, 22 de abril de 2016) e, no Fórum Econômico Mundial de Davos, doa uma quantia avultada para projetos ambientais e afirma-se uma voz crítica dos lobbies de empresas que comercializam combustíveis fósseis (petróleo, gás natural, carvão…) responsáveis pela emissão de carbono na atmosfera (ONU, 2016).

RBE_rect.png
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook